terça-feira, 6 de abril de 2010

PHENOMENA

(PHENOMENA)
Itália - 1985
Dir.: Dario Argento


Filha de famoso ator americano, Jennifer (Jennifer Connelly, do primeiro Hulk) vai estudar em um internato suíço e é alertada pelas demais alunas sobre um assassino (de luvas pretas, óbvio) que anda diminuindo a população de jovens da região. Sonâmbula, ela presencia um assassinato e vai parar na casa de um entomólogo, John McGregor (Donald Pleasence, da série Halloween) que lhe dá conselhos sobre como tratar o sonambulismo, e a quem ela revela seu segredo: uma estranha capacidade de entender e ser entendida pelos insetos, habilidade que vai lhe ser útil quando ficar frente a frente com o psicopata-italiano-de-luvas-pretas.
McGregor a instiga a participar das investigações sobre os assassinatos, já que ele mesmo perdera uma assistente para o assassino e agora colabora com a polícia. Como curiosidade, a assistente de McGregor, paralítico, é uma macaca, e ele dá à Jennifer uma mosca, que atraída pelo odor dos cadáveres a guia até o local dos assassinatos (na verdade os corpos estavam em outro lugar, e isso não é explicado).
Lógico que Jennifer vai ficar na mira do psicopata, cuja história tem um que de "Pague Para Entrar, Reze Para Sair".
Escola para moças; protagonista em solo estrangeiro; assassino que é personagem secundário (no caso quase figurante) da trama; explicação científica de certos fatos... Não é bom nem ruim, tem um toque surreal com a história dos insetos, mas fica a sensação de déja vu para quem assistiu os primeiros filmes de Argento.
Desnecessário dizer que a técnica é ótima, com bons enquadramentos, cenas noturnas e, pouquissímo gore.

Nenhum comentário:

Postar um comentário